Ossanyin e Medicina Tradicional do Candomblé - última turma do ano

Ossanyin e Medicina Tradicional do Candomblé - última turma do ano
Os cultos religiosos foram, ao longo da história das populações africanas no Brasil, um lugar de negociação, de resistência e também de táticas.Nos chamados terreiros ou roças de candomblé a tradição foi sendo mantida, e ao mesmo tempo, resignificada em seu cotidiano, estabelecendo assim seu registro e sua marca no espaço urbano. Muitas plantas cultivadas nos terreiros têm um emprego sacro na religião dos orixás, inkicies e voduns.Associadas a dedicação de oferendas alimentares produzidas à base de plantas domesticadas constitui-se num sistema fundamental, indispensável ao funcionamento dessa religião.Neste sentido, refletir sobre as práticas de saúde, a partir dos saberes e fazeres dos povos das comunidades tradicionais, é rever um tempo, em que pretos e pobres estavam sujeitos à própria sorte de doenças, e os conhecimentos que possuíam serviam para a garantia a sobrevivência de si como dos seus. A oficina Plantas de Axé tem como principal objetivo divulgar e enaltecer a Medicina Tradicional Africana, herdada dos povos Yorubás e praticada nos terreiros de Candomblé.
13/12/2021
-
27/12/2021
19h
de R$ 180,00
por R$ 150,00
13/12/2021
-
27/12/2021
19h
-
27/12/2021
de R$ 180,00
por R$ 150,00
70 participantes
Duração 02h
Aulas disponíveis após o curso
Cancelamento Semi-flexível

Descrição

Aula 1Diáspora negra e as nações de Candomblé. Medicina Tradicional Africana.
Saúde e doença na concepção Yorubá.

Teoria das Assinaturas e Teoria Humoral. Medicina tradicional afro ameríndia (Ayahuasca, rapé, jurema).
Praticantes da Medicina Tradicional Africana na Nigéria e no Brasil.
Etnobotânica e Etnofarmacologia(Conhecimento Ancestral e Ciência).

Carga horária: 2h (total)
Exposição: 1h30min
Perguntas: 30min
 
Aula 2
Liturgia das folhas. Ossanyin e as diferentes divindades ligadas ao reino vegetal.
Emprego das plantas no Candomblé.
Intercâmbio de folhas na diáspora.
Culto às árvores sagradas no Candomblé. Itans ligados às folhas, a arte de ensinar nos terreiros.
Aduras, orikis, ofós e orukós.
O culto de Ossanyin, Biodiversidade e Sustentabilidade Ambiental
Carga horária: 2h (total)
Exposição: 1h30min
Perguntas: 30min
 
Aula 3
Classificação e nomenclatura científica no Reino Vegetal.
Classificação etnobotânica empregada nos terreiros de Candomblé.
Banhos e bebericagens na manutenção da saúde.
Fitoterapia associada à Medicina Tradicional dos terreiros.
Favas e raízes de axé.
Principais espécies de uso litúrgico e medicinal no Candomblé.
Carga horária: 2h (total)
Exposição: 1h30min
Perguntas: 30min
13, 20 e 27 de Dezembro de 2021
de 19:00 às 20:00h.
 
Três encontros de 2h cada (6h total).
Emissão de certificado ao final do curso.


Tags
Ancestralidade Candomblé Etno Botânica Ewe Fitoterapia Ossanyin Yorubá Medicina Tradicional Africana

Quem faz

Jonatas José Luiz Soares da Silva

Jonatas José Silva é graduado em Biologia (UERJ), com Mestrado em Engenharia Ambiental (UERJ) e Doutorado em Farmácia (UFRJ). Atua como professor na SEEDUC-RJ e SME-RJ. Iniciado na religião dos orixás, Omo Ogun, sendo egbomi do Ilè Asè Igi Ji Oju Omin (raiz Casa Branca do Engenho Velho). Apaixonado por Ossanyin e suas folhas sagradas. Desde 2009 escreve o blog gunfaremim.com.

Ver página do anfitrião


Talvez você goste

Formação em Constelação Zulu
Formação em Constelação Zulu

R$400,00 350,00

CAMINHO ANCESTRAL Uma experiência ancestral oferecida pelo Instituto Da Cor ao Caso (@dacoraocaso)
CAMINHO ANCESTRAL Uma experiência ancest ...

R$60,00 60,00

Uma revolução chamada Carolina Maria de Jesus - Última edição de 2021
Uma revolução chamada Carolina Maria de ...

R$150,00 120,00

Coquetelaria Básica - Chef Mailson
Coquetelaria Básica - Chef Mailson

R$98,00 84,99

Fale com a gente
Siga-nos
Descubra
Segurança para você
Todos os dieitos reservadors 2021 | Diaspora Experiência e Turismo LTDA      Política de Privacidade  |  Termos e Condições